Benefícios Extraídos dos Versículos do Jejum

Em nome de Allah, O Clemente, O Misericordioso

Allah – O Altíssimo – disse:

يَا أَيُّهَا الَّذِينَ آمَنُوا كُتِبَ عَلَيْكُمُ الصِّيَامُ كَمَا كُتِبَ عَلَى الَّذِينَ مِن قَبْلِكُمْ لَعَلَّكُمْ تَتَّقُونَ 

«Ó vós que credes! O jejum é prescrito a vocês, como foi prescrito aos que vos antecederam, que talvez [vocês] tornem-se dos Al-Muttaquun [as pessoas piedosas e justas que temem muito a Allah (em absterem-se de todos os tipos de pecados e más ações que Ele – O Altíssimo – tenha proibido) e amam Allah imensamente (realizam todos os tipos de boas ações que Ele – O Altíssimo – tenha ordenado)].» 

أَيَّامًا مَّعْدُودَٰتٍ ۚ فَمَن كَانَ مِنكُم مَّرِيضًا أَوْ عَلَىٰ سَفَرٍ فَعِدَّةٌ مِّنْ أَيَّامٍ أُخَرَ ۚ وَعَلَى ٱلَّذِينَ يُطِيقُونَهُۥ فِدْيَةٌ طَعَامُ مِسْكِينٍ ۖ فَمَن تَطَوَّعَ خَيْرًا فَهُوَ خَيْرٌ لَّهُۥ ۚ وَأَن تَصُومُوا۟ خَيْرٌ لَّكُمْ ۖ إِن كُنتُمْ تَعْلَمُونَ 

«[Observando As-Siaam] por um número fixo de dias; mas se algum de vocês estiver doente ou em viagem, o mesmo número [deve ser jejuado] em outros dias. E quanto àqueles que jejuam com dificuldade (por exemplo, uma pessoa idosa, etc.), eles têm a opção de jejuar ou alimentar um Miskin (pessoa pobre – por cada dia do jejum). Mas quem faz o bem por conta própria, é melhor para ele. E que vocês jejuem, é melhor para vocês se vocês soubessem.» 

شَهْرُ رَمَضَانَ ٱلَّذِىٓ أُنزِلَ فِيهِ الۡقُرۡاٰنُ هُدًى لِّلنَّاسِ وَبَيِّنَٰتٍ مِّنَ ٱلْهُدَىٰ وَٱلْفُرْقَانِ ۚ فَمَن شَهِدَ مِنكُمُ ٱلشَّهْرَ فَلْيَصُمْهُ ۖ وَمَن كَانَ مَرِيضًا أَوْ عَلَىٰ سَفَرٍ فَعِدَّةٌ مِّنْ أَيَّامٍ أُخَرَ ۗ يُرِيدُ ٱللَّهُ بِكُمُ ٱلْيُسْرَ وَلَا يُرِيدُ بِكُمُ ٱلْعُسْرَ وَلِتُكْمِلُوا۟ ٱلْعِدَّةَ وَلِتُكَبِّرُوا۟ ٱللَّهَ عَلَىٰ مَا هَدَىٰكُمْ وَلَعَلَّكُمْ تَشْكُرُونَ  

«O mês do Ramadão no qual foi revelado o Alcorão, uma orientação para a humanidade e provas claras da orientação e do critério (entre o certo e o errado). Então, quem de vocês testemunhe (aviste) o mês [do Ramadão, ou seja, está presente em sua casa], ele deve observar As-Siaam (jejum) naquele mês, e quem estiver doente ou em viagem, o mesmo número [de dias [que não observou As-Siaam] deve ser feito em outros dias. Allah quer a facilidade para vocês, e Ele não quer a dificuldade para vocês. [Ele quer que vocês] completem o mesmo número [de dias], e que magnifiquem Allah [ou seja, dizer Takbir (Allahu-Akbar: Allah é o Maior – Grandioso) ao ver o crescente dos meses do Ramadão e Chawaal] por vos ter guiado, e que talvez vocês sejam gratos (agradeçam).» 

وَإِذَا سَأَلَكَ عِبَادِى عَنِّى فَإِنِّى قَرِيبٌ ۖ أُجِيبُ دَعْوَةَ ٱلدَّاعِ إِذَا دَعَانِ ۖ فَلْيَسْتَجِيبُوا۟ لِى وَلْيُؤْمِنُوا۟ بِى لَعَلَّهُمْ يَرْشُدُونَ

«E quando os Meus servos perguntam-te (ó Muhammad ) a respeito de Mim, então [responde-lhes], eu estou realmente próximo [deles com o Meu Conhecimento]. Eu respondo às suplicas do suplicante quando ele me invoca [sem nenhum mediador ou intercessor]. Portanto, que Me obedeçam e creiam em Mim, para que talvez sejam guiados corretamente.» 

[Suurat-ul-Baqarah: 183-186] 

Benefícios Extraídos por Chaikh Ibnul Uthaymin رحمه الله dos Versículos do Jejum:

  1. A obrigação de jejuar o Ramadão sobre esta Ummah (nação); 
  2. O jejum era obrigatório para aqueles que vieram antes de nós [de outras nações]; 
  3. A importância do jejum, uma vez que era obrigatório para todas as nações; 
  4. A sabedoria (objetivo) do jejum é alcançar At-Taqwaa (Piedade e Temer Allah, O Poderoso e o Majestoso); 
  5. O jejum é uma obrigação [relativamente] fácil, na medida de que não é feito durante anos ou meses; é apenas por um número fixo de dias, especificado para esta Ummah durante o mês do Ramadão; 
  6. O jejum não é obrigatório à pessoa doente, a quem o jejum poderá ser difícil, ou também ao viajante; 
  7. No início da obrigação do jejum, as pessoas tinham a escolha entre jejuar ou alimentar uma pessoa pobre, isso era para facilitar as pessoas e permitir que elas se habituassem à obrigação do jejum; 
  8. Assuntos em que há dificuldade para as pessoas, então há sabedoria na Legislação Islâmica em progredir gradualmente; 
  9. A especificação do Ramadão para a obrigação do jejum sobre esta Ummah; 
  10. A sabedoria por detrás da especificação do Ramadão para jejuar é que o Alcorão foi revelado nele; 
  11. A virtude do Alcorão, devido ao que é mencionado das suas extraordinárias características; 
  12. Uma exortação e encorajamento para retornar ao Alcorão para quem quer que deseje orientação e conhecimento benéfico; 
  13. Esclarecimento que Allah quer facilitar a Sua religião para esta Ummah; 
  14. Afirmação da Vontade de Allah – O Poderoso e Majestoso; 
  15. Allah quer que nós completamos o período [de jejum] e que O glorificamos, devido a Ele nos ter guiado; 
  16. É obrigatório jejuar a quantidade de dias que não foram jejuados no Ramadão, mesmo que tenham sido 29 dias; 
  17. Efectuar e estabelecer actos de adoração é demonstrar gratidão a Allah – O Altíssimo; 
  18. Allah Abençoa os Seus servos, esclarecendo o que eles questionam sobre Ele; 
  19. Allah está perto de Seus servos por meio do Seu vasto conhecimento sobre eles; 
  20. Allah responde à súplica do suplicante, que Lhe suplica [quando Lhe suplica com sinceridade e veracidade]; 
  21. A obrigação de procurar a resposta de um pedido a Allah, por meio das súplicas e invocações e ter Fé Nele; 
  22. Procurar a resposta de Allah ao seu pedido (do servo) e ter Fé Nele, é orientação e uma causa de orientação em todos os actos. 

Fonte: Al-ilmaam bi ba’d Al-Ahkhaam Tafsiiran wa Istimbaatan (páginas: 256-257).

Traduzido por: Abu Faysal Ali Alburtugaali.

61 Visualizações
Partilha!

Next Post

Sê dos mais apressados a quebrar o jejum e dos mais atrasados a tomar o suhuur...

Qui Abr 22 , 2021
Amr bin Maymuun رحمه الله (que Allah tenha misericórdia para com ele) disse: Os Companheiros de Muhammad ﷺ eram dos mais apressados a quebrar o jejum e eram dos mais atrasados a tomar o suhuur [isto é, atrasavam o suhuur (refeição antes de Al-Fajr) o mais possível]. Fonte: Al-Musannaf Abdur-Razzaaq […]