Ibn Chubrumah رحمه الله (que Allah tenha misericórdia para com ele) disse: Fico espantado com as pessoas que cuidam de si mesmas comendo com medo de morrer [de fome], mas não se protegem dos pecados com medo do Fogo [do inferno]. Fonte: Siyar A’laam An-Nubalaa (6/348). Traduzido por: Abu Faysal Ali Alburtugaali. 34 […]

Ibnul Jawzii رحمه الله (que Allah tenha misericórdia para com ele) disse: Da ilusão de Ibliis (satanás) para com as pessoas comuns: quando elas cometem actos de desobediência (a Allah) e tu as repreendes por isso, elas dizem: ‘Allah é gentil e o [Seu] perdão é vasto’; isso é o que o destrói […]

Ibnul Qayyim رحمه الله (que Allah tenha misericórdia para com ele) disse: Juro por Allah que uma pessoa nunca pode amar [ouvir] o discurso de chaytaan (canções / música) e o discurso de Ar-Rahmaan (ou seja, o Alcorão) ao mesmo tempo. Fonte: Asraar as-Salaah (página: 35). Traduzido por: Abu Faysal Ali Alburtugaali. 30 […]

Sufyaan bin Uyaynah رحمه الله (que Allah tenha misericórdia para com ele) disse: Quem comete um acto de desobediência seguindo os maus desejos, tem esperança que haja arrependimento para ele (isto é, seja perdoado); Adão desobedeceu a Allah devido aos seus desejos e foi perdoado. E quem comete um acto de desobediência com […]

Sahl bin Abdillah رحمه الله (que Allah tenha misericórdia para com ele) disse: O exemplo da Sunnah na vida mundana é como o exemplo do Paraíso na Vida Eterna. Quem entra no Paraíso na Vida Eterna está seguro e quem entra na Sunnah na vida mundana está seguro. Fonte: Dhamm Al-Kalaam (4/384). Traduzido por: […]

Ali bin Abii Taalib رضي الله عنه (que Allah esteja satisfeito com ele) disse: Não sejas daqueles que são apressados, que divulgam o que não deve ser divulgado; que criam problemas ao divulgar o que deveria ser segredo, pois enfrentarás severas, prolongadas e pesadas tribulações. Fonte: Al-Bukhaari, Al-Adab Al-Mufrad (no. 327); Sua cadeia de […]

Chaikhul-Islaam ibn Taymiyyah رحمه الله (que Allah tenha misericórdia para com ele) disse: Pecar tem sempre um resultado desagradável e repreensível. Fonte: Majmuu Al-Fataawaa (14/156). Ibnul Qayyim رحمه الله disse: Os pecados destroem o coração assim como o veneno destrói o corpo. Fonte: Madaarij As-Saalikiin (1/222). Traduzido por: Abu Faysal Ali Alburtugaali. 27 Views