Fundamentos do Monoteísmo (5) – Tawhiid em Conhecimento e Ação

Em nome de Allah, O Clemente, O Misericordioso

As três divisões do Tawhiid foram agrupadas – por alguns dos Sábios e Estudiosos – em dois grupos: o primeiro grupo trata de conhecer Allah através dos Seus Nomes, Atributos e Ações (isto é, Tawhiid al-Asmaa wa Sifaat e Tawhiid ar-Rubuubiyah) e o segundo grupo lida com a efetivação e manifestação do monoteísmo através da escolha em adorar Allah únicamente (Tawhiid al-Uluuhiyah). O primeiro tipo de At-Tawhiid está ligado ao conhecimento, enquanto o segundo tipo está ligado à ação.

Ibnul Qayyim (morreu 756H) ‎‎رحمه الله (que Allah tenha misericórdia para com ele) disse:

Quanto ao Tawhiid que os Mensageiros pregaram e com o qual os Livros foram enviados, então é de dois tipos: Tawhiid al-Ma’rifah wal-Ithbaat (Tawhiid de conhecimento e afirmação) e Tawhiid fit-Talab wal Qasd (Tawhiid das ações e intenções).

Assim, o primeiro tipo (At-Tawhiid de conhecimento e afirmação) afirma a realidade da Dhaat (essência) de Allah, juntamente com os Seus Nomes, Seus Atributos, Suas Ações, a Sua fala [nos Seus Livros] e a Sua fala para quem Ele quer dos Seus servos. Também afirma a natureza abrangente da Sua predestinação e pré-decreto e Sua sabedoria. O Alcorão esclareceu completamente esse tipo de At-Tawhiid, como ocorre no começo da Suurat-ul-Hadiid e Suurat Tahaa, no final da Suurat-ul-Hashr, no começo da Suurat A-Sajdah, no começo da Suurat Aal-Imraan e Surat-ul-Ikhlas e entre outras.

O segundo tipo (Tawhiid das ações e intenções):  é o que está contido na Suurat-ul-Kafiruun e também na Suurat Aal-Imran – O Altíssimo – disse:

“Diz (Ó Muhammad صلى الله عليه وسلم‎) : Ó povo do Livro (Judeus e Cristãos)! Venham até a palavra justa entre nós e vós, que não adoraremos a ninguém além de Allah e que não associaremos nenhum parceiro a Ele, e que não tomaremos outros como senhores com Allah. Então, se eles se afastarem, diz: Prestem testemunho de que somos muçulmanos.” [1] 

Também está contido (Tawhiid das ações e intenções) no começo da Suurat A-Zuumar e no começo, meio e fim da Suurat-ul-Mu’minun, e no começo e fim da Suurat-ul-A’raaf e a maior parte da Suurat-ul-An’aam. De facto, cada Suurah no Alcorão compreende esses dois tipos de Tawhiid, testemunhando-o e chamando a ele, isto é pregando a ele.

O Alcorão Sagrado:

  • Ou dá informações sobre Allah – O Altíssimo, Seus Nomes, Seus Atributos, Suas Ações e Seus Ditos – que é o Tawhiid al-Ma’rifah wal-Ithbaat (o Monoteísmo do conhecimento e afirmação);
  • ou é relativo à chamada, isto é, a pregação a adorar Allah sozinho, sem qualquer parceiro, e rejeição de tudo o que é adorado além Dele – e este é o Tawhiid al-Iraadi at-Talabi (o Monoteísmo das ações e intenções);
  • ou é uma ordem para obedecê-LO e cumprir as suas ordens e distanciar-se das suas proibições – de modo que isso é dos direitos do Tawhiid e é uma conclusão dele;
  • ou fornece informações sobre as pessoas do Tawhiid e como elas foram tratadas neste mundo e como serão honradas na Outra Vida – e esta é a recompensa para a afirmação do Tawhiid;
  • ou dá informações sobre as pessoas do Chirk (politeísmo – associar parceiros com Allah) e a punição que eles recebem neste mundo e o tormento que eles receberão na Outra Vida, a Vida Eterna – então esta é a recompensa para aqueles que rejeitam Tawhiid. [2]

Referências:

[1] Suurat Aal-Imraan: 64.

[2] Madaarijus Saalikin (3/449-450) de Ibnul Qayyim ‎رحمه الله.

Traduzido por: Abu Faysal Ali Alburtugaali.

112 Views
Partilha!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Next Post

Fundamentos do Monoteísmo (6) - A Importância do Monoteísmo no Alcorão

Qua Jun 3 , 2020
Ibn Abil Izz رحمه الله (que Allah tenha misericórdia para com ele) disse:  Então o Alcorão – todo – é acerca de At-Tawhiid, os seus direitos e as suas recompensas; e sobre Chirk, as suas pessoas e as suas punições. Assim: “Todos louvores e agradecimentos são para Allah, Senhor dos mundos” [1] […]